Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home » Comércio » Vereador Chico Sousa em requerimentos provoca reuniao com representantes da Celpa sobre contas abusivas em Novo Progresso

Vereador Chico Sousa em requerimentos provoca reuniao com representantes da Celpa sobre contas abusivas em Novo Progresso

Camara municipal  se reúne com Celpa e moradores para discutir contas abusivas, em Novo Progresso PA
Inquérito civil apura denúncia de aumento em tarifas de energia elétrica. Vereadores discute instalação de núcleo da Defensoria  para atender consumidores

Moradores denunciam cobranças abusivas nas tarifas de energia elétrica de moradores de  Novo Progresso
Uma reunião realizada em secao

Na camara municipal, nesta  última terça-feira (03/04), entre a representante da rede celpa  Sr. Sidiney executivo  de recuperacao de energia,  Francinaldo Fiscal de NP. Alcimelio lider servico de rede e representando o governo do estado Sr Jeova consultor do poder publico que em suas palavras expressou tamanha atencao e intensao de atender os consumidores apos a reuniao.

representantes da comunidade do bairros de associacoes e vereadores e consumidores encheram de pergunta sobre abuso na cobranca  da concessionária de energia Rede Celpa discutiu os termos do inquérito civil que apura o aumento abusivo das tarifas de energia elétrica naquele bairros e centro comercial apartir da troca de medidores de energia.

Os moradores  reclamaram a Celpa não está dando satisfação de seus procedimentos e que a comunidade se sente ainda mais desprotegida, pois está cansada de sofrer pressão da empresa por meio dos funcionários que se dirigem às residências para desativar suas unidades de energia.

Segundo a direção da Celpa, foi decido em acordo que seriam suspensos os cortes dos moradores que reclamaram junto ao Ministério Público, e disse ainda que não haveria suspensão definitiva de corte, nem extensiva a outras faturas.

O representante da Celpa esclareceu ainda que a resolução da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) disciplina que se for culpa da empresa, poderão ser cobrados até três ciclos para trás, e, caso a culpa seja do consumidor, como é o caso de furto de energia, a cobrança poderá ser feita retroativa de até 36 meses para trás.

Ao final da reunião ficou definido entre as partes a necessidade de um núcleo para atender essas demandas. Após ouvir o representante  do poder Legislativo  e representantes da celpa e consultor do governo  afirmou  estar disponivel para atender caso a caso.

O vereador  Chico Sousa responsavel pelo requerimento que provocou essa reuniao disse estar disponivel para levar demanda de consumidores ate a celpa para tentar resolver problema de contas abusiva pela  celpa no municipio de Novo Progresso e celpa disponibiliza fiscal equipe de atendimento.

Por:Edson Santos

Check Also

Secretario de Agricultura incentiva producao de Leite para melhorar economia na Regiao

na manha desta quinta feira o Secretário de agricultura Joao Borges e seu acessor. Gilberto …