Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home » Destaque » Menina de 13 anos tem rosto ferido por disparo de espingarda na zona rural de Uruará

Menina de 13 anos tem rosto ferido por disparo de espingarda na zona rural de Uruará

Menina de 13 anos tem rosto ferido por disparo de espingarda na zona rural de Uruará

Adolescente foi transferida de helicóptero para Altamira.

Na tarde de sexta-feira, 11 de janeiro, deu entrada no Hospital Municipal de Uruará (HMU), no sudoeste do Pará, uma adolescente de 13 anos apresentando ferimento no rosto causado por disparo de arma de fogo do tipo espingarda (encontrada próxima à adolescente). A menor recebeu atendimento médico e foi entubada apresentado o quadro grave sendo necessária a sua transferência para o Hospital Regional Público da Transamazônica (HRPT), em Altamira. Para a realização do traslado, a Secretaria Municipal de Saúde solicitou uma aeronave do Grupamento Aéreo do Estado.

Após o resgate o helicóptero Guardião 02, sob o comando do Tenente Coronel Zell, decolou às 17 horas e 35 minutos levando a paciente Maria Cecília da Paz Amorim, 13 anos, que durante o trajeto teve o acompanhamento médico do HMU, Dr. Tadeu e da enfermeira Keila. Segundo informou o hospital municipal, a paciente apresenta quadro estável.

Sobre o fato ocorrido do disparo que atingiu o rosto da menor, a Polícia Civil (PC) informou que a adolescente, Maria Cecília da Paz Amorim, 13 anos, foi encontrada por volta das 12h desta sexta-feira, 11, no interior de uma residência rural na vicinal km 175 sul, a 27 km do centro urbano de Uruará, com ferimento de disparo de arma de fogo do tipo espingarda. O disparo atingiu o lado esquerdo do rosto.

Ainda segundo a Polícia, não se tem esclarecido o que de fato aconteceu. De acordo conta uma familiar da jovem, o pai e a madrasta estavam trabalhando na roça e quando retornaram para almoçar encontraram Maria Cecília ferida e ensanguentada, posteriormente a mesma foi encaminhada para o Hospital Municipal de Uruará de onde seguiu numa aeronave com destino ao HRPT.

O pai e a madrasta da adolescente foram levados em um carro da saúde também para a cidade de Altamira onde acompanharão os procedimentos médicos cujos a paciente Maria Cecília será submetida.

O caso está sendo apurado pela equipe de plantão da Policia Civil.

Fonte: RG 15/O Impacto e Sidalécio Souza

Check Also

Brasileiros já pagaram R$ 32 bilhões em taxas extras na conta de luz

Brasileiros já pagaram R$ 32 bilhões em taxas extras na conta de luz Sem bandeira, …