Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home » Destaque » Em Belém, servidores do judiciário paraense paralisam atividades por tempo indeterminado nesta terça-feira

Em Belém, servidores do judiciário paraense paralisam atividades por tempo indeterminado nesta terça-feira

Em Belém, servidores do judiciário paraense paralisam atividades por tempo indeterminado nesta terça-feira

Servidores do judiciário paraense em Belém, dão início nesta terça-feira, 20, à greve da categoria. A paralisação, deflagrada durante assembleia geral realizada no último dia 8, será por tempo indeterminado. Os servidores alegam que, desde 2016, sofrem perdas inflacionárias que já chegam a 11,06%. Para recuperar essas perdas, seria necessária uma correção em 12,44%. A administração do Tribunal de Justiça do Estado, no entanto, propõe que o reajuste seja de 2%. A categoria deve se reunir em frente ao Fórum Cível de Belém, a partir das 7h.

Segundo o comando de greve, 30% do quadro de servidores será mantido para que o atendimento aos serviços considerados essenciais e necessidades inadiáveis da comunidade sejam prestados durante o período de paralisação.

Entre os serviços que serão prestados estão os pedidos de habeas-corpus e mandados de segurança; medida liminar em dissídio coletivo de greve; comunicações de prisão em flagrante e à apreciação dos pedidos de concessão de liberdade provisória; decretação de prisão preventiva ou temporária em caso de justificativa de urgência; pedidos de busca e apreensão de pessoas, bens ou valores, desde que comprovada a urgência; medida cautelar, de natureza cível ou criminal, em que da demora possa resultar risco de grave prejuízo ou de difícil reparação.

“Nossa categoria tem como pauta central, o reajuste salarial, mas o movimento grevista também busca melhores condições de trabalho. Para isso, precisamos pressionar a administração do TJPA para que nossas reivindicações sejam reconhecidas”, afirmou Thiago Lacerda, presidente do Sindicato dos Funcionários do Judiciário do Pará (Sindju-PA).

Em Santarém, os servidores devem decidir se aderem a paralisação. Nesta terça-feira, os atendimentos seguem normal.

Fonte: Roma News

Check Also

Brasileiros já pagaram R$ 32 bilhões em taxas extras na conta de luz

Brasileiros já pagaram R$ 32 bilhões em taxas extras na conta de luz Sem bandeira, …