Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Home » Destaque » Animais soltos em via pública poderá ser apreendido em Novo Progresso

Animais soltos em via pública poderá ser apreendido em Novo Progresso

Animais soltos em via pública poderá ser apreendido em Novo Progresso

images (1)De acordo com o município, esses animais só serão devolvidos aos proprietários mediante ao pagamento de uma taxa.

A população tem o dever de informar caso veja animais de grande porte soltos pelas ruas e que estejam trazendo problemas aos moradores, é o que informa a Vigilância Patrimonial Municipal. Como foi o caso do “Click do diadia” deste sábado (25) no centro de novo progresso

 

A Prefeitura de Novo Progresso, no oeste da Pará, através do Departamento de Vigilância Sanitária, poderá realizar um trabalho de orientação aos proprietários de animais para não deixarem soltos em via pública.

O objetivo é alertá-los que o espaço público não é local para manter animais soltos, visando diminuir casos de doenças transmitidas por animais e acidentes. Se encontrados soltos, os animais serão apreendidos e alojados em local adequada ficando a disposição do Departamento de Vigilância Sanitária, por um prazo.

De acordo com o município, esses animais só serão devolvidos aos proprietários mediante ao pagamento de uma taxa. Essas pessoas deverão procurar o setor de tributo para regularizar a situação.

Em transito progressense ja ouve varios registro de acidentes até mesmo com vitima fatal.

Dessa forma, o órgão reiterou a importância da denúncia para que os casos sejam solucionados com mais agilidade. “Precisamos somente da denúncia para que o animal seja retirado da via pública, não importando se na região central ou na periferia, visto que ainda não temos um mapeamento que nos mostre os locais com maior incidência de animais soltos.”

Por: Edson Santos

 

 

 

 

Check Also

Homem é morto a tiros na região garimpeira de Patrocínio, em Itaituba

Homem é morto a tiros na região garimpeira de Patrocínio, em Itaituba Homem foi morto …